Quando chega ao Museu das Telecomunicações, o visitante recebe um fone de ouvido e um aparelho que o conduz por uma viagem pelo tempo através da história da comunicação.

Ele foi construído para contar a aventura da comunicação humana, e você pode, por exemplo, navegar por uma linha do tempo, escolhendo entre vários períodos da história com o uso de um sistema de projeção interativa – a história da comunicação humana nas suas mãos. O visitante pode ainda usar um teremim, um aparelho musical que é tocado sem contato físico, ou entrar num compartimento individual, sentar numa poltrona e acionar um comando que permite um encontro virtual com personalidades que tiveram, em diferentes momentos da história, uma visão futurista da humanidade, por meio de uma projeção com efeito 3D.

Inspirado no hipertexto, que são camadas de informações que vão sendo reveladas, como num formato digital, o Museu inova e dá ao visitante a possibilidade de construir seu próprio roteiro, seu próprio tempo. No Museu das Telecomunicações o visitante é simultaneamente ator e espectador.

O Museu é para as pessoas, de todas as idades, sentirem-se à vontade. Projetado para contar a aventura da comunicação humana, com o olhar voltado para o passado, para o presente e para o futuro. é um espaço interativo e está em constante renovação. Visitá-lo é uma viagem surpreendente e divertida pela história da comunicação no Brasil e no mundo.

Conheça a seguir algumas das peças que compõem a coleção permanente. Como ela está em constante transformação, a experiência interativa só é completa visitando-se ao vivo o Museu das Telecomunicações. Por isso, marque sua visita gratuitamente e aproveite essa viagem completa pessoalmente.

Além dos itens abertos para a visitação do público na Exposição Permanente, o acervo do Museu das Telecomunicações conta também com uma Reserva Técnica. Para conhecer mais sobre ela, clique aqui.