18 de Novembro de 2018

Confira a programação especial de férias do Centro Cultural Oi Futuro

O Centro Cultural Oi Futuro preparou uma programação especial para as férias de julho, com espetáculo infantil, exposições e também atividades educativas do Museu das Telecomunicações. Confira:

ARTES VISUAIS:
“Passadiço” - Renato Morcatti
Até 5 de agosto
Terça a domingo, das 11h às 20h | Projeto Tech_Nô
Curadoria: Alberto Saraiva

A instalação é uma representação do encontro do relevo das montanhas mineiras com a vegetação litorânea da restinga fluminense. Propõe ao visitante uma viagem de deslocamento no tempo/espaço de uma paisagem. Os trabalhos de Renato Morcatti são frutos de suas caminhadas na Serra da Tiririca, no Costão de Itacoatiara (Niterói-RJ) e nas Serras do Curral, da Moeda e da Piedade (Belo Horizonte).

“3 EM 1” - Barrão
Até 5 de agosto
Terça a domingo, das 11h às 20h | Grande Campo
Curadoria: Alberto Saraiva

Colagem fotográfica na qual o artista Barrão manipulou digitalmente a imagem de uma furadeira, anteriormente utilizada numa escultura também chamada 3 em 1, realizada em 2015. O painel é pensado como mídia urbana. A repetição da imagem constrói uma nova ferramenta multiuso partindo de um objeto banal do cotidiano, que é ressignificado, "contaminando" a paisagem do bairro e estabelecendo um diálogo com os públicos que circulam pela região.

Maquinações
Até 5 de agosto
Terça a domingo, das 11h às 20h | Nível 5 (Exposição) e Área Externa (Oficinas)
Entrada franca | Classificação etária: livre
Curadoria: Fred Paulino

Exposição coletiva internacional com a participação de 12 artistas que atuam na interseção entre arte e invenção. Suas obras baseiam-se no uso de aparatos tecnológicos e objetos ordinários. A partir de uma sutil observação do cotidiano, desenvolvem engenhocas e propõem novas possibilidades sobre o uso de materiais, frequentemente subvertendo sua função original.

“Celacanto” - Odir Almeida
Até 5 de agosto
Terça a domingo, das 11h às 20h | Térreo e Nível 4
Entrada franca | Classificação etária: livre
Curadoria: Maria Arlete Gonçalves

A exposição convida o público a contemplar e ressignificar o olhar sobre o Rio, através das imagens captadas, literalmente, de dentro do mar, pela câmera e a sensibilidade do fotógrafo Odir Almeida. O título é inspirado nos seres abissais denominados “celacantos”, cujas barbatanas – acreditava-se – provocavam maremotos. Foram selecionadas 20 fotografias em grande formato, em cor e preto e branco, e 100 imagens, através de um processo ousado, para captar e congelar em imagem esse movimento constante – e nunca o mesmo - do mar da Cidade Maravilhosa. A mostra inclui vídeos com depoimentos sobre o trabalho de Odir, como do escritor e artista visual Guilherme Zarvos, do psicanalista Paulo Próspero, do cineasta Silvio Tendler e da curadora Maria Arlete Gonçalves.

ARTES PERFOMÁTICAS
As mil e uma noites
Até 9 de setembro
Quinta a domingo, 20h | Nível 8
Entrada: R$ 30,00 | Classificação etária: 16 anos

Uma versão contemporânea de “As Mil e Uma Noites”, clássico da literatura mundial. A montagem concebida pela Cia. Teatro Voador Não Identificado se divide em 33 sessões únicas onde, a cada noite, Sherazade narra uma história do livro original entrelaçada com relatos atuais de refugiados árabes e reflexões sobre o caos da política brasileira. Apenas o prólogo se repete e faz um elo entre as apresentações: a trajetória da princesa para adiar a sua morte e enganar o rei.

Concepção e direção: Leandro Romano
Dramaturgia e adaptação: Gabriela Giffoni e Luiz Antonio Ribeiro
Elenco: Adassa Martins, Bernardo Marinho, Clarisse Zarvos, João Rodrigo Ostrower, Elsa Romero, Gabriel Vaz, Julia Bernat, Larissa Cunha, Pedro Henrique Müller e Romulo Galvão.

Acessibilidade em Movimento

Série de atividades artísticas para a acessibilidade, com uma programação que inclui um laboratório de dança flamenca voltada para surdos, oficina de teatro para artistas autistas, e um laboratório de anatomia para cegos e pessoas de baixa visão.

O Acessibilidade em Movimento será realizado no Centro Cultural Oi Futuro (dia 23) e no LabSonica (dia 25).

O evento é voltado para artistas, estudantes, professores e pessoas com deficiência interessadas em conhecer projetos voltados para inclusão e experiências artísticas e acessibilidade. As inscrições prévias para as oficinas e palestras vão até o meio-dia de 20 de julho, pelo email do programaeducativo.oifuturo@gmail.com. Cada palestra e oficina tem 20 vagas.

PROGRAMAÇÃO

Dia 23/07

Centro Cultural Oi Futuro

14h30 – Laboratório de dança flamenca com Clara Kutner para surdos no Teatro do Oi Futuro e Oficina de dança contemporânea através da consciência do movimento com Teresa Taquechel (fundadora da Pulsar Cia de dança) para corpos ímpares (cadeirantes e pessoas com e sem deficiência), no Térreo do Centro Cultural Oi Futuro

17 horas – Roda de Conversa “Corpos Sensíveis” com Teresa Taquechel, Clara Kutner, Bruno Ramos (ator e arte-educador surdo) e Priscila Kern (bailarina e arte-educadora)

Dia 25/07

LabSonica

 14 horas – Jogos teatrais para jovens artistas autistas e seus cuidadores com a atriz e diretora Bel Kutner e o ator e professor de teatro Fabricio Moser

16 horas – Roda de Conversa “O Sentido no Sentir”,com Bel Kutner, Geórgia Victor, Emanuel de Jesus (artista) e Bruna Cruz (Museu das Telecomunicações)

18 horas – Laboratório de anatomia ativa para cegos e pessoas com baixa visão com Georgia Victor, doutora em Design para saúde

 

A Menina e o Pote
Até 5 de agosto
INSTALAÇÃO MULTIMÍDIA:
De terça a domingo: 11h às 20h. | Nível 2
Entrada franca | Classificação etária: livre
*Entre a realização das performances, a instalação será fechada ao público

APRESENTAÇÕES:
Sábado e domingo, às 16h e 18h | Nível 2
Entrada franca | Classificação etária: livre
*Distribuição de senhas 30 minutos antes da sessão

Obra multimídia para crianças e adolescentes, que se desdobra em duas diferentes experiências artísticas: uma instalação audiovisual imersiva e uma performance, construídas na interseção entre artes visuais, performance, documentário, música e circo. Uma instigante experiência sensorial e imersiva que permite ao espectador tanto ocupar o ponto de vista da protagonista, como assisti-la em seu percurso. Inspirada no “Conto da Menina Amarela”, de Valentina Homem, narra a história de uma garota e seu grande pote, que um dia se quebra revelando um imenso vazio.

Direção geral: Fernanda Bond e Valentina Homem
Dramaturgia performances: Fernanda Bond e Jô Bilac
Elenco: Helena Bittencourt e Nívea Magno

MUSEU DAS TELECOMUNICAÇÕES:

21 e 25/07 | ESTAÇÃO EDUCATIVA - SOU CRIANÇA, SOU BRINCANTE

Brincar é um direito da criança e é uma importante forma de comunicação. O ato de brincar auxilia na aprendizagem, estimula a autonomia e a criatividade. Para celebrar as Festas Julinas, no Oi Futuro toda criança é brincante. Uma programação especial durante as férias escolares que propõe a realização de brincadeiras populares dessa tradicional festa, com pescaria, jogo das argolas, boca do palhaço, dança das cadeiras, corrida do milho. Na oportunidade teremos a boca do RobOI feito com objetos de lixo eletrônico e a LIXEIRIA, onde os participantes pescarão lixo eletrônico, como forma de conscientizar sobre o consumo consciente e a importância do reaproveitamento e contra a degradação do meio ambiente. Aproveite para vir a caráter.

Horário: 15h
Público: Crianças e seus acompanhantes
Local: térreo

28/07 | CONEXÃO BEBÊ

Unindo teatro e música através de jogos e cenas teatrais, o Grupo Conexão do Bem recebe bebês e seus acompanhantes no Museu das Telecomunicações para uma experiência lúdica e interativa.

Público: Bebês de 06 meses a 02 anos e seus acompanhantes (até 15 bebês)
Local: Nível 6
Inscrições prévias pelo email: programaeducativo.oifuturo@gmail.com